N. 79/2020

Tipo de projeto e valor máximo de financiamento

Projeto integrado (máximo 50.000 Euros)

Eixos de intervenção em que se enquadra o projeto

Financiamento

Valor solicitado

47.500,00 €

Valor de outros financiamentos

2.500,00 €

Valor total

50.000,00 €
Mapa de localização da candidatura

Mapa das candidaturas financiadas


O Nosso Bairro

O Bairro Cristina Rodrigues, construído em 1958 é património do Centro Social Rocha Barros, IPSS, com sede em Góis, do qual depende administrativa e economicamente, não possuindo personalidade jurídica distinta. Este património representa uma mais-valia para o concelho, na medida em que se destina a agregados familiares de escassos recursos económicos. É constituído por 10 habitações geminadas – T2 e T3. Destas 10 habitações, 9 estão ocupadas por famílias e uma reservada pela Instituição, para responder a situações de emergência social. Com a presente candidatura pretende-se dar uma nova imagem ao exterior deste espaço, mantendo a traça existente para não se perder a “essência de Bairro", promover a coesão entre os residentes e fomentar as relações de vizinhança. Propõe-se a requalificação do espaço exterior: muros de vedação, passeios existentes, limpeza da zona envolvente, aquisição de mobiliário urbano e plantas/arbóreo para embelezamento do espaço e criação de uma zona de lazer.

Objetivos

Objetivo geral e justificação

Melhorar a qualidade de vida dos moradores, através da requalificação do espaço exterior do Bairro, adequando-o à realidade, mantendo a traça existente, promover a sua inclusão social, através de ações a executar em parceria e com a participação dos mesmos, tornando-o mais aprazível a momentos de convívio e de lazer, por forma a combater a estigmatização muitas vezes associada à população residente em Bairros Sociais. Atendendo a que tem sido preocupação constante do Centro Social Rocha Barros a manutenção/melhoria das condições de habitabilidade das casas, estas têm sofrido ao longo dos tempos obras de (re) qualificação, assumidas financeiramente por esta IPSS para melhoria das condições de conforto e salubridade dos seus habitantes. Neste sentido, reveste-se de importância fulcral a requalificação do espaço exterior.

Objetivo específico 1 e justificação

Contribuir para eliminar a discriminação/estigmatização associadas aos residentes em Bairros Sociais. Através da melhoria da imagem exterior do Bairro, os habitantes vão-se sentir mais motivados para dar continuidade à manutenção do "seu" espaço, o que irá causar um impacto positivo na comunidade em geral, quebrando com o estereotipo associado a estes grupos.

Objetivo específico 2 e justificação

Melhorar a qualidade de vida dos residentes, bem como facilitar e convidar ao uso do espaço exterior num ambiente de convívio e lazer. Os moradores deste bairro não dispõem atualmente de condições que lhes permitam usufruir do exterior, uma vez que o mesmo não apresenta condições propícias ao seu uso, não dispondo de qualquer espaço para os mais idosos, crianças e famílias se sentarem, conviverem ou realizarem atividades conjuntas.

Objetivo específico 3 e justificação

Estimular à participação cívica e espírito de entreajuda mantendo a rede de vizinhança. Com a presente candidatura, os residentes passam a estreitar os laços de vizinhança, espírito de entreajuda o que irá favorecer a rede de solidariedade. No período que vivemos decorrente da COVID-19, estas redes são essenciais para a proteção dos mais vulneráveis, não os expondo a situações de maior risco decorrentes das Atividades de Vida Diária. Assim, o convívio apresenta-se como uma forma de estreitar laços e estabelecer relações de confiança entre todos.

Objetivo específico 4 e justificação

Dar sentido à vida da população em situação de exclusão social principalmente aos mais idosos. O Bairro situa-se na Vila de Góis, a cerca de 500 metros de acesso a serviços, tais como Centro de Saúde, CTT, Farmácias, Supermercados e outros Serviços Públicos. A deslocação dos moradores para usufruto destes serviços pode ser feita a pé, contudo, os idosos mais dependentes têm alguma dificuldade no acesso uma vez que não possuem transporte próprio e a rede pública é bastante deficitária, sendo por vezes necessário recorrer aos vizinhos para apoiar nestas situações. Tendo em consideração que os idosos na sua maioria têm algumas dificuldades nas deslocações importa que este espaço possua as condições necessárias para a ocupação saudável do seu tempo livre através da realização de atividades ao ar livre conjuntas, promotoras do seu equilíbrio emocional, cognitivo e físico, o que só será possível com a presente requalificação.

Parceria local

Promotora

Centro Social Rocha Barros

Parceira

Câmara Municipal de Góis

Território(s) de intervenção

1. Góis situa-se no Pinhal Interior Norte, distrito de Coimbra. O Bairro está localizado na vila de Góis, sede do Concelho. Com uma vasta área territorial caracteriza-se por um forte isolamento geográfico e envelhecimento da população.

Gois, Góis
Critério 1. Condições de habitabilidade deficientes ou precárias, nomeadamente:
Desadequação severa dos espaços comuns
Critério 2. Número significativo de moradores com rendimentos baixos ou muito baixos, nomeadamente:
Pessoas com poucos anos de escolaridade
Pessoas abrangidas por prestações e apoios do subsistema público da ação social
Critério 3. COVID-19
Número significativo de pessoas de risco em caso de COVID-19, nomeadamente idosos e portadores de doenças crónicas
Critério 7. Exclusão social
Número significativo de pessoas em situação de exclusão social, isolamento ou abandono, nomeadamente idosos, pessoas em situação de sem abrigo ou vítimas de tráfico

Atividades

1. Hoje é Dia de Festa | Comemoração do Aniversário dos Moradores.

Com a presente atividade pretende-se assinalar o aniversário dos moradores do Bairro, promovendo o encontro entre todos. Esta atividade irá decorrer no espaço de lazer exterior do Bairro, a adquirir com a presente candidatura, uma vez que atualmente não existem mesas, bancos, ou outros equipamentos de exterior que favoreçam a realização destes encontros. Do ponto de vista social e emocional, estes convívios são de extrema importância para os moradores, em especial para os mais idosos que residem sozinhos nas suas habitações e na maioria das vezes, a comemoração do seu aniversário não existe.
Destinatários preferenciais
Crianças, Jovens, Idosos, Adultos (população em idade ativa), Mulheres, Famílias, Pessoas com deficiência

2. Fim de Semana de Jogos de Mesa

Esta atividade pretende, mais uma vez ir ao encontro da ocupação saudável dos tempos livres. As famílias residentes no Bairro, algumas com filhos, não possuem um espaço que lhes permita a realização de atividades de exterior. Assim, com a requalificação deste espaço, através da colocação de mesas e bancos irá permitir disfrutar da realização de jogos de mesas ao ar livre, promotores de maior tempo de qualidade nas relações familiares, socialização, intergeracionalidade e interação entre famílias. Permitirá ainda, uma diminuição do tempo dedicado às novas tecnologias.
Destinatários preferenciais
Crianças, Jovens, Idosos, Adultos (população em idade ativa), Mulheres, Famílias, Pessoas com deficiência

3. Cuidar e criar jardinando

Pretendemos que os residentes cuidem do espaço público utilizando a jardinagem como atividade de terapia que junta o exercício físico e a criatividade ao ar livre. Assiste-se assim a uma combinação perfeita entre o saber, o fazer e o partilhar de ideias que de mãos dadas têm como objetivo a preservação do espaço da comunidade residente. A atribuição desta tarefa aos moradores irá transmitir-lhes um sentimento de pertença a um espaço que no fundo é dos próprios.
Destinatários preferenciais
Crianças, Jovens, Idosos, Adultos (população em idade ativa), Mulheres, Famílias

4. Ações de Sensibilização para o Ambiente e Cidadania

Pretendemos realizar 6 ações de sensibilização, com a periodicidade trimestral com o objetivo primordial de capacitar os moradores para a mudança de hábitos e atitudes perante o meio ambiente, como por exemplo na área da reciclagem. Também a promoção de uma cidadania mais ativa para a adoção de comportamentos de respeito pelos outros e "afinar" as barreiras entre o "meu espaço" e o "espaço do outro" e a adoção de comportamentos adequados à vida em comunidade, em especial num espaço comum que é de todos.
Destinatários preferenciais
Crianças, Jovens, Idosos, Adultos (população em idade ativa), Mulheres, Famílias, Pessoas com deficiência

5. Passeio Anual

Anualmente, o Centro Social Rocha Barros organiza um passeio dirigido aos utentes e comunidade. Neste sentido, pretendemos com a presente ação convidar todos os moradores do bairro a integrar o grupo, proporcionando-lhes um dia diferente, fora do quadro habitual de vida, o que lhes permitirá visitar locais desconhecidos, que de outra forma não teriam essa oportunidade. Esta atividade irá ainda proporcionar-lhes um aproximar à comunidade local, criando laços de amizade.
Destinatários preferenciais
Famílias

6. Bairro em Festa

Com esta atividade pretendemos envolver todos os moradores e utentes da IPSS (crianças e idosos) na comemoração de diversas efemérides, através da decoração do bairro com motivos alusivos aos Santos Populares, Natal e Páscoa. Esta atividade irá permitir a ocupação saudável do tempo livre, o convívio intergeracional, ao mesmo tempo que quebra as barreiras sociais. A componente ambiental estará fortemente presente nesta atividade, na medida em que a decoração será realizada com recurso a materiais recicláveis, permitindo-nos sensibilizar os moradores para a reciclagem do lixo doméstico.
Destinatários preferenciais
Crianças, Jovens, Idosos, Adultos (população em idade ativa), Mulheres, Famílias

7. Dia do Vizinho

Pretendemos em 2021, organizar a Comemoração do Dia do Vizinho, que contará com a realização de um almoço piquenique no espaço exterior do Bairro e realização de jogos tradicionais entre famílias, de forma a impulsionar esta actividade para que, nos anos seguintes decorra sob a organização dos seus residentes, estimulando assim a aquisição de competência sociais. Também esta actividade terá uma importante componente intergeracional e demonstrativa de que os mais idosos, fruto da sua experiência de vida, são uma importante fonte de sabedoria.
Destinatários preferenciais
Famílias

8. O Meu Bairro é Seguro

Esta atividade consiste na realização de ações de sensibilização/(in)formação acerca da segurança em casa. Pretendemos sensibilizar os moradores para situações facilitadoras de roubo/extorsão nas suas habitações. Sendo Góis um meio onde predomina uma forte componente rural, é usual os habitantes sentirem um elevado grau de confiança perante estranhos. Contudo, cada vez mais se assiste a situações de furtos nas habitações de idosos em meios rurais. Assim, com esta atividade pretendemos garantir os direitos de cidadania dos seus residentes.
Destinatários preferenciais
Idosos, Mulheres, Famílias