N. 65/2020

Tipo de projeto e valor máximo de financiamento

Projeto integrado (máximo 50.000 Euros)

Eixos de intervenção em que se enquadra o projeto

Financiamento

Valor solicitado

50.000,00 €

Valor de outros financiamentos

0,00 €

Valor total

50.000,00 €
Mapa de localização da candidatura

Mapa das candidaturas financiadas


Registos

Encosta Viva

A Encosta da Barata é um bairro situado na zona urbana de Abrantes, constituído por 13 blocos habitacionais plurifamiliares, onde residem cerca de 1000 habitantes e que concentra diversas problemáticas, como é o caso do envelhecimento da população e a baixa escolaridade refletida na dificuldade de inserção/integração profissional tornando os agregados familiares dependentes de apoios sociais. Tratando-se de um bairro com vulnerabilidades nas áreas social, habitacional e económica, pretende-se que este projeto seja o reflexo de uma intervenção integrada com o objetivo de capacitar/empoderar os residentes estimulando-os à participação e envolvimento cívicos, invertendo situações de fragilidade em relação ao mercado de trabalho, combatendo o isolamento social e fomentando a coesão social. O projeto contribuirá para a criação de uma Associação de Moradores, tornando a comunidade participativa e unida na resolução das fragilidades, com uma imagem sólida de cultura de trabalho conjunto.

Objetivos

Objetivo geral e justificação

Partindo da análise do Plano de Desenvolvimento Social (PDS) 2017/2020 de Abrantes, o objetivo geral do projeto visará contribuir para a melhoria da qualidade de vida da comunidade do Bairro da Encosta da Barata. Pretende-se despoletar mecanismos de auto organização que sustentem o aparecimento de uma Associação de Moradores, tendente a melhorar a visibilidade da comunidade em geral por este bairro, estimulando sentimentos de pertença e de interajuda contínua, através da dinamização de atividades culturais, económicas, desportivas, recreativas e de promoção da saúde, do lazer e do bem-estar. Para tal, estabeleceu se uma parceria alargada, constituída por um conjunto de entidades multidisciplinares, uns com intervenção direta no Bairro e outros cujo trabalho em rede será decisivo para o desígnio do projeto, tendo sido delineadas iniciativas de dinamização comunitária para alavancar novas dinâmicas quotidianas, organizativas e de valorização do tecido associativo da Encosta da Barata.

Objetivo específico 1 e justificação

Promoção da coesão social. Dado tratar se de um Bairro com elevada densidade populacional é essencial garantir a qualidade de vida e bem estar dos seus residentes, bem como a articulação e integração com as entidades públicas e privadas que ali se encontram de igual modo sedeadas. Nesse sentido, auscultar quem vive na Encosta da Barata, mas também quem lá trabalha, é imprescindível para que todos se sintam parte integrante deste processo, participando, refletindo, construindo e criticando livremente todo um trabalho em rede que resulte num diagnóstico social local e na adoção de domínios de intervenção comuns. Através de um conjunto de atividades iniciais de âmbito cultural, social, ambiental, desportivo e recreativo dinamizadas pela rede de parceiros, pretende se estimular aqueles que residem no Bairro a criar dinâmicas próprias no futuro que contribuam para a melhoria da sua qualidade de vida e para o reforço da coesão e bem estar social.

Objetivo específico 2 e justificação

Promoção do aumento de competências e da empregabilidade. Tratando-se do Bairro mais populoso da cidade de Abrantes, procurar-se-á inverter em alguns dos problemas sociais refletidos no PDS da Rede Social de Abrantes, como são dos baixos rendimentos e o abandono escolar. Neste OE pretende se trabalhar as competências dos públicos alvo identificados: os desempregados, que representam 7%, e os beneficiários do RSI, 5,1% da população em idade ativa. Através do desenvolvimento de um conjunto de oficinas para definição de um projeto de vida, pretende-se munir este público de ferramentas que lhes permita encontrar novas perspetivas profissionais, estimulando os ao empreendedorismo; outro público são os pais de crianças do bairro, que representam 24% dos alunos do pré escolar e do 1º ciclo da Escola António Torrado, situada na Encosta da Barata, estando 52,7% destas crianças de famílias em vulnerabilidade económica, através de workshops que permitam contribuir para o sucesso escolar.

Objetivo específico 3 e justificação

Combate ao isolamento e promoção de hábitos de vida saudáveis. Com uma taxa de população envelhecida de 28,8% (dado de 2019) e um índice de envelhecimento de 254 e de dependência dos idosos de 47,7% no concelho de Abrantes, a Encosta da Barata reflete também esta realidade concentrando pessoas com mais de 65 anos de idade e famílias com vulnerabilidade económica, dado este bairro ter os imóveis com os valores de mercado mais baixos na cidade. Urge intervir, dinamizando ações direcionadas para estes públicos alvo de forma a combater o isolamento e a discriminação social, prevenir a solidão, promover hábitos de vida mais saudáveis, sensibilizar para as doenças e a sua prevenção e disseminação, nomeadamente a pandemia COVID 19, contribuir para a dissuasão de comportamentos e atitudes sociais de risco e criar um sentimento de pertença e de memória coletiva no bairro, abrindo o e instigando a comunidade local a participar nas dinâmicas quotidianas da Encosta da Barata.

Objetivo específico 4 e justificação

Promoção do livre acesso à cultura. As dificuldades económicas que hoje muitas pessoas enfrentam, bem como os seus baixos níveis de escolaridade são os motivos que justificam as baixas taxas de participação em atividades culturais, não sendo para este público consideradas como prioritárias. As artes, em contexto social, têm se mostrado uma ferramenta, resposta e fator importante de integração social, muitas vezes combatendo a discriminação em locais considerados socialmente degradados. Tendo como intuito uma reversão da autoexclusão dos grupos vulneráveis já identificados, importa tornar acessível a cultura, através das artes, à comunidade deste bairro, colocando o como palco das mesmas e a partir destas sensibilizar e contribuir antecipadamente para a prevenção para trajetórias de marginalidade e delinquência juvenil, promovendo uma relação bairro envolvente comunidade geral, ao alargar as iniciativas, aumentando os sentimentos de segurança e autoestima por parte dos moradores.

Parceria local

Promotora

TAGUS - Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior

Parceira

Câmara Municipal de Abrantes
Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola António Torrado
Cres.Ser - Associação de Desenvolvimento Pessoal e Comunitário
Freguesia de Abrantes e Alferrarede
Grupo em Formação de Abrantes - AEP Escoteiros de Portugal
Agrupamento de Escolas N.º 2 de Abrantes

Território(s) de intervenção

1. A "Encosta da Barata" é um bairro composto por 13 blocos habitacionais plurifamiliares, onde reside cerca de 3% da população total do concelho, tem instalados 32 estabelecimentos comerciais diversos e uma escola pública de ensino pré-escolar e 1º ci

Abrantes (São Vicente e São João) e Alferrarede, Abrantes
Critério 2. Número significativo de moradores com rendimentos baixos ou muito baixos, nomeadamente:
Pessoas em situação de desemprego, lay-off ou precariedade laboral
Pessoas abrangidas por prestações e apoios do subsistema público da ação social
Critério 3. COVID-19
Número significativo de pessoas de risco em caso de COVID-19, nomeadamente idosos e portadores de doenças crónicas
Critério 7. Exclusão social
Número significativo de pessoas em situação de exclusão social, isolamento ou abandono, nomeadamente idosos, pessoas em situação de sem abrigo ou vítimas de tráfico

Atividades

1. PENSAR A ENCOSTA - Diagnóstico participado dos problemas e implementação de atividades de fomento à coesão social e à melhoria das condições de vida da população do bairro

Esta atividade é dividida em 2 fases: uma de auscultação do bairro, reunindo população, os parceiros do projeto e os agentes económicos que ali intervêm, que resultará num diagnóstico e na constituição de um grupo de trabalho com o objetivo de que se venha a formar uma Associação de Moradores. A outra fase consiste na criação de dinâmicas promotoras da coesão social, da melhoria das condições de vida no bairro, de fomento do sentimento de pertença e na mudança de mentalidades da restante cidade pela Encosta, cuja continuidade seja assegurada pela Associação.
Destinatários preferenciais
Toda a comunidade

2. "ENCOSTA EMPREENDEDORA" - Oficina de "Projeto de Vida" e apoio ao sucesso escolar

Esta iniciativa pretende, por um lado, auxiliar os desempregados ou pessoas em situações de vulnerabilidade económica a (re)definirem o seu projeto de vida com estratégias que impulsionem o seu percurso profissional, otimizando as suas competências e procurando contribuir para ampliar sua satisfação pessoal e profissional. E, por outro, promover a parentalidade e o desenvolvimento de competências parentais, de modo a que os pais se sintam mais capazes de gerar um bom ambiente familiar nas suas casas, de se assumirem como agentes educativos e modelos de referência para os filhos.
Destinatários preferenciais
Crianças, Adultos (população em idade ativa), Famílias

3. "ENCOSTA SAUDÁVEL" - Ações de animação cultural, desportiva e recreativa de promoção de habitos de vida saudável e combate ao isolamento

Esta atividade é traduzida num conjunto de ações de animação cultural, desportiva, recreativa de promoção de hábitos de vida saudável e combate ao isolamento, através do banco local de voluntariado. As iniciativas irão permitir as trocas de experiências e a socialização intergeracionais por residentes e também pela comunidade local, a sensibilização para uma cultura de vida saudável através do exercício físico, dos rastreios e sensibilização para prevenção de doenças, como o COVID19, oficinas de alimentação, de mercados das estações para incentivo ao consumo de produtos da época e da região.
Destinatários preferenciais
Idosos, Toda a comunidade

4. " ENCOSTA COM ARTE" Ações de dinamização do Bairro e de promoção do livre acesso à cultura

Conjunto de iniciativas de animação que visam proporcionar o acesso livre e gratuito à cultura para todas as idades, classes sociais, económicas, culturais e religiosas. Um programa cultural pensado para todos aqueles que residem no Bairro da Encosta, mas de igual modo para a restante comunidade, transformando o no palco principal de espetáculos de música, dança, teatro de rua, acolhendo sessões de cinema ao ar livre e intervenções de arte urbana. Visa ainda combater as referências estigmatizantes ao bairro, levando a cultura e os seus diferentes palcos para fora das habituais portas.
Destinatários preferenciais
Toda a comunidade