Em Alte, na Serra do Caldeirão, criou-se um bazar social que oferece saberes ancestrais com o mágico poder de se transformarem em afetos.
Em Alte, na Serra do Caldeirão, criou-se um bazar social que oferece saberes ancestrais com o mágico poder de se transformarem em afetos.
Projeto ASAS

Projeto ASAS

Aldeia dos Saberes e dos AfetoS inaugura Loja Social

Levantou voo o Bazar dos Afetos integrado no projeto ASAS- Aldeia dos Saberes e dos AfetoS. Este espaço terá iniciativas que estimulem a solidariedade, o voluntariado, o empreendedorismo, a procura ativa de emprego, a gestão de orçamento e a capacitação da população.

Em Alte, na Serra do Caldeirão, criámos um bazar social que, com as batatas, as couves e as favas, oferece saberes ancestrais com o mágico poder de se transformarem em afetos.

ASAS é um projeto comunitário em que os mais velhos oferecem os excedentes das suas hortas à loja e partilham as técnicas agrícolas e artesanais com os mais novos que, por sua vez, lhes emprestam a sua energia, a sua força e o conhecimento de novas tecnologias.

Em Alte, na Serra do Caldeirão, criou-se um bazar social que oferece saberes ancestrais com o mágico poder de se transformarem em afetos.
Em Alte, na Serra do Caldeirão, criou-se um bazar social que oferece saberes ancestrais com o mágico poder de se transformarem em afetos.

Neste processo de partilha estoiram-se a solidão e o isolamento, criam-se laços e esbanjam-se afetos.
E, ao ritmo desses afetos construídos, trocam-se histórias, lendas e ditos antigos que aquecem as horas de encontros e trabalho conjunto. Da boca e da memória dos mais antigos, essas lendas e ditos saem do silêncio do seu canto serrenho para serem partilhados com o mundo por via dos saberes tecnológicos dos mais jovens.

E, porque saberes, afetos e alimentos têm de ser espalhados, os parceiros espalharão baús da partilha por todo o território da freguesia, para que todos os que tiverem ganas ou necessidade de o fazer aí possam colocar o que lhes sobra e retirar o que precisarem.

Em Alte, na Serra do Caldeirão, criou-se um bazar social que oferece saberes ancestrais com o mágico poder de se transformarem em afetos.
Em Alte, na Serra do Caldeirão, criou-se um bazar social que oferece saberes ancestrais com o mágico poder de se transformarem em afetos.

Este projeto conta com o Centro de Animação e Apoio Comunitário como entidade promotora, com a Junta de Freguesia de Alte, Escola Profissional de Alte, Câmara Municipal de Loulé e Farmácia Horta Figueiredo como entidades parceiras.

Cada entidade assume o papel determinante para a concretização dos objetivos definidos, a Junta de Freguesia fornece um apoio logístico e humano, a Escola Profissional através do envolvimento de docentes e alunos tem participado ativamente em vários workshops e ações de voluntariado para a organização da loja social e criação de cabazes solidários a distribui pelos mais carenciados, através da articulação em proximidade com a divisão de coesão social e saúde da Câmara Municipal de Loulé constroem-se os alicerces para uma intervenção social sólida e fértil. Com a farmácia Horta figueiredo definem-se estratégias de sensibilização à população mais dispersa e idosa, acerca da prevenção de doenças, promoção de vida saudável e prevenção da covid-19.

Todas as ações são contruídas de forma criativa, inspirada nas gentes locais e nos seus gostos e interesses.
Neste Inverno, este cantinho da serra algarvia está mais quente e luminoso pelo feitiço dos afetos sem tempo ou idade.